Muitos homens tiram um tempo da sua rotina corrida para se cuidarem e, por esse motivo, os cuidados masculinos são muito falados hoje em dia. Entretanto, o assunto ainda gera muitas dúvidas, principalmente entre aqueles que adquiriram essa prática recentemente.

Para quem ama um visual sempre impecável, um passo indispensável é manter as madeixas bonitas e bem hidratadas. Para isso, é preciso finalizar o cabelo corretamente com os produtos certos. Contudo, assim como o cuidado com a aparência e a saúde física geram dúvidas, a finalização capilar também gera.

Afinal, quais são os principais produtos? Como aplicá-los? O que considerar no momento da escolha do cosmético? Fique tranquilo! Neste post, separamos os principais detalhes e ensinaremos você a encontrar um produto ideal para garantir o resultado esperado. Acompanhe!

Quais são os principais produtos para finalizar o cabelo?

Gel

O gel é o produto mais conhecido no mundo masculino e, muitas vezes, o único utilizado. Existem diversos tipos e marcas, com diferentes níveis de fixação e brilho. No entanto, independentemente do tipo escolhido, esse produto clássico é ideal para homens com fios mais grossos, pois permite que o cabelo seja modelado em diferentes estilos — pode-se fazer um topete, por exemplo.

Ele proporciona um brilho diferenciado ao Corte de Cabelo Masculino, é perfeito para quem busca um estilo mais arrumado e sério ou até um visual vintage. Para isso, aplique uma pequena quantidade pela manhã, ainda com o cabelo úmido, e modele com o auxílio de um pente.

Spray

A ideia de que o spray só pode ser usado por mulheres ainda está muito presente. Porém, o que muitas pessoas não sabem é que o produto pode ser usado por homens que desejam manter o estilo dos fios e ter uma boa finalização.

Ele sustenta o penteado, garante ótima fixação e mostra-se uma boa alternativa para as madeixas que não obedecem ao gel. Existem diversos produtos no mercado, com diferentes fixações e que podem ser usados em todos os tipos de cabelo, seja para segurar topetes, levantar a raiz ou controlar os fios desobedientes.

Contudo, é mais recomendado para quem tem fios mais finos ou pouco cabelo, visto que serve também para encorpar e dar volume. Lembre-se: se você quiser mais fixação, deve aplicar uma quantidade maior do produto, mas tenha cuidado para não exagerar, pois o fio fica duro e quebradiço, o que pode prejudicar a saúde capilar.

Outra grande vantagem do spray é a praticidade e facilidade no uso. Ao utilizá-lo, você economizará um bom tempo pela manhã e terá efeito prolongado, já que ele sustenta o penteado durante o dia todo. Além disso, o finalizador pode ser usado em cabelos lisos e cacheados.

Mousse

Assim como o spray, o mousse é ideal para quem tem fios finos e sem volume, pois libera polímeros que engrossam os fios, preenchem e modelam as madeixas sem deixá-las pesadas e artificiais. Uma boa alternativa é combinar ambos para potencializar o efeito e a fixação. Além de garantir um ótimo resultado, deixará você mais confiante e aumentará seu bem-estar.

Cera

A cera modeladora tem uma textura mais grossa, consistente, densa e normalmente é feita a partir de elementos naturais como a cera de abelha ou a argila. Por isso, ela não é indicada para homens com cabelo secos, pois os ingredientes absorvem a oleosidade natural. Em contrapartida, é perfeita para quem tem o cabelo mais oleoso. Para aplicar, basta colocar um pouco nas mãos e espalhar igualmente nos fios, começando de baixo para cima.

Esse produto é perfeito para quem deseja um penteado mais estruturado como um topete ou simplesmente para conter madeixas mais rebeldes e arrepiadas. O acabamento da cera é, normalmente, fosco e tem boa durabilidade, sem deixar os cabelos rígidos e com aspecto artificial.

Pomada

Em comparação com a cera modeladora, a pomada é muito mais maleável e fácil de aplicar. Pode ser usada em vários tipos de cabelo, mas é ideal para quem tem fios mais finos — já que aumenta volume — e deve ser evitada nos mais oleosos, pois sua fórmula é a base de água, o que retira o ressecamento dos fios.

A pomada tem uma ótima vantagem: é muito versátil. Você pode escolher uma finalização mais fosca ou brilhante, com efeito mate e um aspecto natural, e ainda optar entre um resultado mais bagunçado ou sério. Basta modelar da maneira que achar melhor. Geralmente, sua finalização não é marcada, o que garante um visual muito natural, sem deixar os fios rígidos durante o dia.

Sua aplicação também é rápida e simples: coloque uma pequena quantidade nas pontas dos dedos e aplique no cabelo seco, após o banho. Depois, modele do jeito que achar melhor. Normalmente sua durabilidade é muito grande, o que garante um penteado bem firme durante o dia, mas é possível retocá-la caso sinta necessidade.

Quais são os produtos mais indicados?

Para reconhecer o produto mais indicado para você, é necessário primeiramente identificar o tipo de cabelo que você tem. É fino, médio ou grosso? Liso, crespo ou ondulado? Seco, oleoso ou misto? Todas essas características influenciarão na escolha do cosmético certo, que permitirá a finalização ideal para o estilo que você busca.

Por isso, analise a espessura do fio, o formato que sai da raiz e o comprimento. Caso surja alguma dúvida, pergunte para seu barbeiro de confiança e peça dicas sobre os produtos que podem ser usados para conseguir uma boa finalização.

Abaixo, separamos algumas dicas para diferentes tipos de cabelo. Confira!

Oleosos e grossos

A testosterona aumenta a produção de sebo no couro cabeludo, o que gera mais oleosidade, principalmente em fios mais grossos e volumosos. Por isso, o uso de finalizadores é fundamental para garantir um bom aspecto do fio e um visual descolado e bonito.

Produtos com alta fixação são excelentes para cabelos oleosos e grossos, pois conseguem sustentar o penteado. A cera modeladora pode — e deve — ser utilizada, visto que retira a oleosidade dos fios.

Ainda, se for o caso, procure shampoos secos que controlam a produção de óleo para trazer mais charme e beleza para o look.

Secos e finos

Ao contrário dos cabelos oleosos, se você tem fios secos e finos deve procurar produtos que tenham uma fórmula mais leve para evitar o visual pesado. Nesse caso, a pomada é o finalizador mais indicado, pois devolve a oleosidade natural do fio e proporciona mais volume.

Compridos ou curtos

Para cabelos compridos, finalizadores de alta fixação — pomadas, mousses e leave-in — são os melhores, pois modelam muito bem os fios e garantem uma durabilidade maior. Já em cabelos curtos, é indicada a utilização de produtos mais leves como o spray modelador, já que não deixa o cabelo pesado e com aspecto “grudento”.

Crespos

Por fim, para cabelos crespos, um finalizador potente e poderoso é o ativador de cachos. Ele deixa o cabelo definido e bem hidratado, além de proteger contra o ressecamento, frizz e controlar o volume. O indicado é aplicá-lo logo após o banho, separando os fios em mechas para deixar os cachos mais definidos.

Outro produto que pode ser utilizado é o gel específico para cabelos cacheados — aquele que não tem álcool na fórmula e hidrata as madeixas — ou uma pomada que tenha óleo, pois ajuda a controlar o frizz e dá brilho aos cachos.

Como você pode perceber, finalizar o cabelo é um passo importantíssimo para manter o bom visual, visto que um bom finalizador assegura um estilo moderno e charmoso. Quando for escolher o seu produto, lembre-se de optar por aquele que condiz com seus fios e usá-lo todos os dias para criar uma rotina de cuidados diários, que trará resultados muito melhores!

E aí, gostou do conteúdo? O que acha de conhecer um pouco mais sobre a rotina de cuidados masculinos? Neste post, separamos oito produtos indispensáveis para cuidar da aparência!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *